Brasil quebra tradição na ONU e vota por embargo a Cuba

Brasil quebra tradição na ONU e vota por embargo a Cuba

7 de novembro de 2019

FONTE: ISTOÉ

O Brasil quebrou nesta quinta-feira (7) uma tradição de quase três décadas e se posicionou a favor da manutenção do embargo econômico a Cuba, em uma votação realizada na Assembleia Geral das Nações Unidas. O posicionamento inédito partiu de uma orientação do presidente Jair Bolsonaro e da tentativa do novo governo brasileiro de se alinhar a Washington contra o regime socialista de Cuba.

Leia a notícia original aqui.